Voltar
Taxista de FW teria sido morto com tiro
Segunda, 14 de Maio de 2018 às 14:58
Corpo foi localizado na linha São José, interior de Redentora, há cerca de 15 quilômetro do local onde o táxi foi abandonado
Informações preliminares do trabalho da perícia, realizado no táxi de Ervino Sabino da Silva, de 68 anos, apontam que ele teria sido atingido por um tiro, dentro do veículo. Durante o trabalho do Instituto-Geral de Perícias (IGP) foram localizados dois buracos que podem ser de projetil de arma de fogo, possivelmente de um mesmo disparo. Os danos foram identificados no encosto da cabeça do banco do motorista e na porta do condutor do táxi. Ainda, havia vestígios de sangue no suporte do cinto de segurança e no banco do veículo. O IGP também trabalhou para tentar identificar digitais no veículo. Ainda, a porta do lado do motorista também deveria ser retirada para um trabalho mais apurado dos peritos, já que a suspeita é que o projetil que atingiu Ervino estivesse no lado interno.

Até às 14 horas desta segunda-feira, 14, o corpo de Ervino seguia na estrada de terra na linha São José, interior de Redentora, onde foi localizado por um morador no início da manhã. A Brigada Militar e a Polícia Civil estão no local até a chegada de peritos de Santo Ângelo.

O Pelotão de Operações Especiais (POE) e outros policiais militares da Brigada Militar também realizaram abordagens e identificação de pessoas nas estradas que ficam entre o local onde o táxi e o corpo foram localizados, distantes cerca de 15 quilômetros, na busca por suspeitos do crime.
Jornal O Alto Uruguai
Imagens
Comentários